Mundo Operário

URGENTE

URGENTE: liberdade imediata para Marcello Pablito, diretor do SINTUSP

quinta-feira 26 de abril| Edição do dia

Horas antes do início da paralisação votada pelos trabalhadores da USP, a PM paulista prendeu o diretor do sindicato, Marcello Pablito.

Não é a primeira vez que a PM, com ostensiva presença na reunião, tenta impedir a organização dos trabalhadores da mais prestigiosa universidade do país, prendendo arbitrariamente diretores, impedindo o trânsito de carros de som. O próprio Marcello Pablito, que é também impulsionador da Secretaria de Negros e Negras do sindicato e dirigente do Movimento Revolucionário de Trabalhadores, já foi alvo destas ações racistas e antissindicais.

Pablito foi detido antes de entrar na universidade, a informação preliminar obtida na delegacia é de um suposto desacato, escancarando o racismo e motivo antissindical da prisão.

Exigimos a imediata liberdade de Pablito e o não registro de nenhum inquérito contra ele!

Veja abaixo vídeo de Diana Assunção, gravado agora na porta da 93ª delegacia, onde Pablito encontra-se detido:




Tópicos relacionados

São Paulo (capital)   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar