Política

AUTORITARISMO DO JUDICIÁRIO

URGENTE: Polícia revista sede do PCdoB em BH e confisca materiais de campanha com Lula

sexta-feira 28 de setembro| Edição do dia

Mais uma vez se evidencia o autoritarismo com que o judiciário busca tutelar estas eleições. Em Belo Horizonte, a polícia militar chegou ao absurdo de entrar na sede do PCdoB para revistar o local em busca de materiais de campanha que pudessem conter menções a figura do ex-presidente. Ações semelhantes aconteceram também em sedes do PT no estado.

Seguindo a determinação do TSE golpista que já havia proibido que materiais de campanha com a figura do ex-presidente fossem divulgadas, a polícia tinha um mandato que autorizava a operação.

A operação demonstra a atuação do judiciário para tentar de todas as formas intervir na transferência de votos de Lula para Haddad. Nós do Esquerda Diário não votamos no PT, mas diante desse nível de autorismo demonstrado pela justiça colocamos nossa força para denunciar todas as manobras utilizadas pelo judiciário para tutelar estas eleições.

Mesmo assim, diante desse nível de arbitrariedade do judiciário, o PT na posição de "mal menor" nestas eleições prefere seguir apostando em um discurso de pacificação do regime, mantendo sua política de aliança com as mesmas forças que conduziram o golpe institucional, e até acenando para um pacto mais abrangente que incluiria um perdão até o PSDB. Não podemos combater as forças golpistas e a extrema direita aceitando acordos com esses setores.




Tópicos relacionados

Eleições 2018   /    Lula   /    Belo Horizonte   /    Política

Comentários

Comentar