Sociedade

URGENTE: Dória ameaça ato contra a tarifa com contingente recorde de policiais

O anúncio da tarifa acima da inflação revoltou muitos jovens e trabalhadores, que frente ao congelamento quase total dos salários. Em resposta à manifestação, Dória convocou um contingente recorde de policiais, não identificados e com fardas semelhantes às de militares.

quinta-feira 10 de janeiro| Edição do dia

O anúncio da tarifa acima da inflação revoltou muitos jovens e trabalhadores, que frente ao congelamento quase total dos salários, sabem que terão que abrir mão de muita coisa pra poder continuar circulando pela cidade.

Não é de hoje que se sabe que os aumentos servem apenas para favorecer as máfias do transporte, que lucram rios de dinheiro com essa necessidade básica da população, oferecendo um serviço de péssima qualidade, com uma precarização crescente para os trabalhadores, que no metrô por exemplo veêm seus cargos serem terceirizados, com perda de direitos e ausência de medidas básicas de segurança para os usuários, que levaram inclusive à morte do menino Luan, de 3 anos, no dia 23/12, às vésperas do natal.

O ato está tendo início na região do Teatro Municipal em São Paulo, com centenas de jovens e trabalhadores exercendo seu direito à livre expressão e manifestação, direito que está sendo ameaçado pela presença ostensiva de policiais, que segundo denúncias de presentes, não estão identificados e utilizam vestuário similar ao do exército,possivelmente empregando o COE, tropa raras vezes utilizada contra manifestações.

Veja as fotos:


policial do COE, raramente utilizado contra manifestações, utiliza farda semelhante à de militares


da concentração do ato, recebemos denúncia de que de dentro do teatro, os manifestantes são filmados pelos policiais


há informes de que os manifestantes estão sendo impedidos de circular pelas forças policiais




Tópicos relacionados

Tarifa   /    Sociedade

Comentários

Comentar