ESTADOS UNIDOS/CHINA/ECONOMIA MUNDIAL/

Trump, o instável, a economia dos Estados Unidos e a guerra comercial com a China

Gilson Dantas

Brasília

sexta-feira 16 de novembro| Edição do dia

A palestra do vídeo abaixo foi realizada em 30/10/18 na UnB como parte da linha de pesquisa do NEPPOS [Núcleo Políticas Sociais] que reflete sobre o estado atual do imperialismo na geopolítica internacional.

No caso, a palestra [que foi seguida de debate], trata da política norte-americana [na conjuntura pré-eleições de meio mandato, este mês] e suas raízes na crise da economia dos Estados Unidos e internacional, como também a crise de representação política do sistema político dos Estados Unidos.

Por que o governo D Trump opera em marchas e contramarchas e não passa qualquer imagem de estabilidade orgânica? Por que deflagrou uma guerra comercial contra a China mas, depois de dois anos, os Estados Unidos não dão o menor sinal de superação do seu déficit comercial bilionário? Qual o elemento contraditório da guerra comercial de tarifas contra a China? O que é fake e o que é real nessa “guerra”? Por que o suposto imperialismo de primeira ordem revela dificuldades políticas com uma potência de segunda ordem [e regional] como a Rússia? Por que a economia norte-americana não cresce? Que significado tem a crise global do neoliberalismo nos marcos de que o sistema não tem como apresentar qualquer outra “grande empresa” em seu lugar?

São questões abordadas na palestra que aqui está reproduzida apenas em parte [30 minutos]; não consta do vídeo abaixo o terço final da palestra, onde foram formuladas comparações entre D Trump e Bolsonaro e elementos da conjuntura nacional [e diferenças entre governos de direita extremada em um país imperialista e em países semi-coloniais como o Brasil]. Recomendamos a respeito nota saída no Ideias de Esquerda, semanário teórico do Esquerda Diário.




Tópicos relacionados

Imperialismo   /    China   /    Economia internacional   /    Estados Unidos

Comentários

Comentar