Internacional

GREVE McDONALD's

Trabalhadores do McDonald’s fazem sua primeira greve no Reino Unido

quarta-feira 6 de setembro| Edição do dia

Por aumento de salário, melhores condições de trabalho e direito de se organizar em sindicatos, trabalhadores do McDonald’s entram em greve no Reino Unido.

Nesta segunda-feira dia 04, os trabalhadores da rede americana de fast food McDonald’s declararam sua primeira greve na história do Reino Unido. Cerca de 40 funcionários protestaram em frente às portas da lanchonete de Crayford, antes de manifestarem diante do Parlamento inglês.

Os trabalhadores pedem um aumento salarial de 10 libras por hora; a possibilidade de aderir ao sindicato e o fim dos chamados contratos "de zero horas", que os obriga a estar disponível sem que a empresa garanta um mínimo de horas de trabalho.

A rede de fast food é conhecida por submeter seus empregados à condições precárias de trabalho e baixos salários. Apesar disso, afirmam que apenas 0,01% de seus funcionários se manifestaram e que a maioria deles preferem os contratos flexíveis.

Outras 14 cidades britânicas fizeram manifestações em apoio aos funcionários do Mc e a Belgica e os Estados Unidos fizeram atos semelhantes.

Não é a primeira greve da rede. Em 2015, os trabalhadores fizeram uma greve que atingiu 200 cidades e foi convocada como “greve mundial”, atingindo cerca de 40 países.

O Esquerda Diário se solidariza com os trabalhadores ingleses!




Tópicos relacionados

Greve   /    Internacional

Comentários

Comentar