Educação

Trabalhadores da Creche Central da USP repudiam fechamento da Creche Oeste

Publicamos aqui carta aberta das funcionárias e funcionários da Creche Central da USP, em repúdio ao fechamento da Creche e Pré-Escola Oeste.

segunda-feira 23 de janeiro de 2017| Edição do dia

"CARTA ABERTA DAS FUNCIONÁRIAS E FUNCIONÁRIOS DA CRECHE E PRÉ-ESCOLA CENTRAL DA USP SOBRE A TENTATIVA DE FECHAMENTO DA CRECHE E PRÉ-ESCOLA OESTE

Universidade de São Paulo, 23 de janeiro de 2017.

Nós, funcionárias e funcionários da Creche e Pré-Escola Central da Universidade de São Paulo, vimos por meio desta manifestar nosso repúdio à tentativa de fechamento da Creche e Pré-Escola Oeste, da qual soubemos, durante nossas férias, por meio de reportagens e materiais divulgados nas redes sociais, a despeito da decisão do Conselho Universitário de novembro de 2016, que votou pelo preenchimento das vagas ociosas de todas as cinco Creches da USP (elencadas, por suas Associações de Pais e Funcionários, em 157 vagas no total).

Tal medida desconsidera não só os funcionários das creches, mas também as crianças e suas famílias, em total contraste ao trabalho respeitoso, de excelência, desenvolvido pelo programa de educação infantil da USP ao longo destes mais de 35 anos.

A recente divulgação de um edital de abertura de vagas para as creches não cumpre a decisão do Conselho Universitário, na medida em que não recebe todas as crianças que poderia (oferece apenas 91 das 157 vagas possíveis) e fecha, imperativamente, uma das instituições.

Entendemos que esta é mais uma ação decidida fora dos espaços de diálogo e fora dos critérios de transparência dos processos desta Universidade e que tudo isso se dá em prejuízo deste projeto de educação que tanto prezamos e nos empenhamos para que tenha continuidade.

Assinam esta carta,

Funcionários da Creche e Pré-Escola Central da USP"




Tópicos relacionados

SINTUSP   /    Educação   /    USP   /    São Paulo (capital)

Comentários

Comentar