×

Afeganistão | Terremoto mata mais de mil pessoas no Afeganistão, agravando crise humanitária no país

O terremoto atingiu a região nesta quarta-feira (22), com magnitude de 6,1. Os números de mortos e feridos tendem a aumentar, agravando o cenário catastrófico no país.

quarta-feira 22 de junho | Edição do dia

A maior parte das vítimas estavam concentradas na província de Paktika, onde morreram ao menos 255 pessoas e registrou mais de 200 feridos. O terremoto pôde ser sentido no Afeganistão, Paquistão e Índia, por cerca de 119 milhões de pessoas (informações do Centro Sismológico Euro-Mediterrânico). Além do terremoto, autoridades no país hoje governado pelo Talibã informam que inundações vitimaram dezenas de pessoas em várias regiões do país nos últimos dias.

Os terremotos ocorrem em grandes partes do sul da Ásia por conta da placa tectônica conhecida como "indiana" empurrar para o norte a placa "eurasiana". São muitos registros de fortes abalos sísmicos na região, como em 2015 onde um forte terremoto atingiu o nordeste afegão matando centenas de pessoas.

O impacto desastroso do terremoto no país é agravado pelo barbárie capitalistas, imposta pelos EUA que invadiu e destruiu o país por anos com a suposta "guerra ao terror". Após anos de destruição, deixaram o país em condições degradantes e protagonizando cenas absurdas de afegãos se agarrando e caindo avião do exército americano na tentativa de fugir do país em busca de melhores condições de vida. Após a retirada das tropas, ordenado por Biden, vários países imperialistas começaram um bloqueio econômico ao país, agravando ainda mais a situação.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias