Política

MICHEL TEMER

Temer “ostenta” em hotel de luxo em Lisboa, provando que só não tem dinheiro para quem trabalha

Ítalo Gimenes

Campinas

quarta-feira 30 de agosto| Edição do dia

(FOTO: Beto Barata/PR, retirada do portal Folha de São Paulo)

Nessa terça-feira, 29, o presidente golpista e toda a sua comitiva a caminho da China pernoitaram em um hotel luxuoso de Lisboa, ostentando com dinheiro público em tempos de reformas, privatizações, cortes nos gastos com saúde e educação.

No país oriental, Temer se reunirá com os BRICS para fazer propaganda do patrimônio público que quer vender no Brasil, como a Eletrobras. Antes disso, a comitiva especial de Temer pernoitou em Portugal, no Ritz Four Seasons, cujo valor da diária varia entre 480 a 15 mil euros. Porém, o Planalto ainda não divulgou os gastos da viagem.

Não obstante, nessa mesma semana se discute no Congresso a proposta de Temer de aumentar o rombo nas contas públicas para R$ 159 bilhões. Parece que Temer pouco se importa com possíveis abalos à sua já ridícula popularidade de 5%, ostenta, goza junto aos seus colegas dos seus privilégios típicos de uma casta política que vive a vida como nenhum trabalhador comum sonharia, com anseio de usufruir do mundo burguês que ajudam a engendrar.

No Brasil, com a PEC do teto dos gastos, reforma trabalhista, terceirização irrestrita, Temer fez o paraíso da exploração capitalista dos trabalhadores brasileiros. Mas desde o Esquerda Diário defendemos que a vida dos trabalhadores vale mais que o lucro e o luxo deles.




Tópicos relacionados

Governo Temer   /    Michel Temer   /    Privatização   /    Política

Comentários

Comentar