Política

REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Temer gasta R$100 milhões em campanha para tentar acabar com a nossa aposentadoria

terça-feira 11 de julho| Edição do dia

Na guerra para conseguir aprovar a Reforma da Previdência, Temer gasta mais de R$100 milhões com propaganda nos meios de comunicação para tentar convencer a população de que deve aceitar a medida. O valor é 10 vezes mais do que o orçamento então previsto para essa campanha, que era de R$13 milhões.

O gasto realizado de janeiro a junho de 2017, já significa 55% de todo o orçamento governamental destinado para as campanhas publicitárias, que é de R$180 milhões. Tal verba é maior do que foi gasto com programas sociais, como é o caso de sete programas destinados a defesa dos direitos das mulheres, que de acordo com dados do Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira) foi gasto R$28 milhões de janeiro a junho de 2017.

Com um índice de aprovação inferior a 10%, e com mais de 70% da população contra a reforma da previdência, segundo dados divulgados pelo Datafolha, Temer tenta incessantemente convencer a população de que se essa reforma não for aprovada, o Brasil vai quebrar, como já denunciamos aqui. Além de várias investidas para conseguir mais aliados em atacar os direitos da população, com jantares, propostas de cargos, e outras formas de “convencimento”.

Porém, o que essas propagandas não mostram e o que os políticos não falam, é que metade do orçamento do país é gasto com juros e amortizações da dívida pública que vão para especuladores e banqueiros. Ao contrário, sem citar nada disso, tentam convencer que quem deve pagar pela crise e trabalhar até morrer são os trabalhadores e a população pobre.

Fonte: reportagem de Leandro Prazeres no UOL.

Foto: Ailton de Freitas, Agência O Globo.




Tópicos relacionados

Reforma da Previdência   /    Governo Temer   /    Política

Comentários

Comentar