DENÚNCIA JANOT

Temer e aliados preparam resposta à denúncia de Janot

Temer se reuniu com ministros e líderes do governo para discutir respostas políticas e jurídicas à denúncia de Janot que enquadra o presidente nos crimes de corrupção passiva.

terça-feira 27 de junho| Edição do dia

Na manhã desta terça-feira, Temer se reuniu com os ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, e da Secretaria-Geral, Moreira Franco. Além dos dois ministros, Temer também se reuniu com os ministros da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, da Fazenda, Henrique Meirelles, da Justiça, Torquato Jardim, e líderes no Congresso, deputado André Moura e senador Romero Jucá.

Tal reunião servirá para pensar as estratégias que serão adotas pelo governo para revidar politicamente, mas também juridicamente à denúncia de corrupção passiva apresentada pelo procurador-geral da república, Rodrigo Janot. Como esperado, Temer deverá se esquivar das acusações, mas também poderá combater a atuação de Janot.

Hoje ainda, os líderes do governo já começam as articulações na CCJ para que o relator dessa mesma denúncia atue no sentido de barrá-la antes de que chegue à Câmara de Deputados.




Tópicos relacionados

Governo Temer   /    Michel Temer   /    Poder Judiciário   /    Corrupção

Comentários

Comentar