Política

REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Temer deve liberar R$ 1,6 milhão para Juiz de Fora por apoio na Reforma da Previdência

terça-feira 28 de novembro| Edição do dia

A quantia de R$ 2 bilhões sinalizada pelo governo federal aos municípios em troca de apoio na Reforma da Previdência foi apontada pelo próprio presidente golpista Michel Temer na noite da última quarta-feira (22) na presença de parlamentares e ministros de Estado, durante encontro do peemedebista com uma comissão de prefeitos capitaneada pelo presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski.

A CNM, que vem tratando como certa a liberação dos recursos para os municípios, só aguarda a liberação de medida provisória para informar a data em que os valores serão depositados nas contas das prefeituras. E o presidente da Confederação, Ziulkoski,afirma que “temos uma pauta comum entre União e estados, que é a reforma da Previdência, onde estamos empenhados em que seja aprovada. Logicamente que respeitamos a diversidade. Respeitamos a posição de quem pensa diferente, mas a ampla maioria está lutando, e nós estamos engajados na questão da Previdência”.

Temer que já foi anfitrião de luxuosos jantares para deputados e senadores pela aprovação de seus ataques contra os trabalhadores, segue suas negociatas pelo apoio dos municípios na Reforma da Previdência.

“Vocês, trabalhando em favor da Previdência, junto aos deputados, vão permitir que, no ano que vem, quando vocês vierem para a marcha [Marcha dos Prefeitos], nós possamos talvez anunciar esses R$ 2 bilhões que estou mencionando. E se a economia melhorar sensivelmente, quem sabe mais”, afirmou Temer.

Em Juiz de Fora não será muito difícil que o prefeito golpista e colega de sigla, Bruno Siqueira (PMDB), citado inclusive na lista de delação da Odebrecht, trabalhe em favor da Reforma da Previdência, dando a mãos ao colega de partido e demais golpistas na tentativa de avançar com mais um ataque contra os trabalhadores de Juiz de Fora e de todo o país.




Tópicos relacionados

Reforma da Previdência   /    Juiz de Fora   /    Governo Temer   /    Política

Comentários

Comentar