Política

FLORESTA AMAZÔNICA

Temer dá golpe de mestre para ficar bem internacionalmente sobre venda da Amazônia

Após o presidente Michel Temer ter vetado as medidas provisórias que reduziam áreas de florestas protegidas da Amazônia, o governo prepara agora um projeto de lei com o mesmo conteúdo, que poderá ser analisado pelo Congresso já a partir da próxima semana.

quinta-feira 22 de junho| Edição do dia

Impressionou muitos o recuo do golpista Temer em relação às áreas de florestas protegidas na Amazônia. O senado havia aprovado duas MPs que o presidente da república vetou. Como não há o que se esperar dos golpistas e da direita, não foi para proteger nossas florestas que Temer tomou essa medida.

Hoje, 22, o Temer está na Noruega, país conhecido internacionalmente por liderar o financiamento a programas de proteção no Brasil. Após o veto, o governo golpista está preparando um projeto de lei com o mesmo conteúdo, que poderá ser analisado a partir da próxima semana pelo Congresso Nacional.

Cabe pensar quais os interesses da Noruega, pois segundo o governo norueguês essas medidas provisórias, que rebaixavam o nível de proteção da floresta não eram suficientes. A intenção é proteger ou utilizar do rebaixamento para outros fins? Fica a questão.

Ainda hoje, o ministro do meio ambiente, José Sarney Filho (PV) se reunirá com o seu correspondente de cargo na Noruega, Vidal Helgeser, que declarou em entrevista: "Vimos grandes resultados na última década no Brasil e uma tendência preocupante nos últimos dois anos", disse o norueguês. "Esperamos que possamos ver um retorno a uma tendência positiva. Caso contrário, seremos obrigados a dizer que vamos reduzir o montante de nosso apoio". O apoio a que ele se refere é o destinado ao Fundo Amazônia que é responsável por uso sustentável dos recursos naturais, ou seja, estamos falando de exploração da Amazônia.

Voltando à questão do projeto do governo a ser avaliado no Congresso, segundo alguns comentadores serve para que o golpista Temer apareça de uma forma internacionalmente, enquanto age de outra forma internamente.

Bom, os acontecimentos do Congresso não são secretos e esse novo projeto será conhecido de todos. O que sabemos é que não há mocinhos no cenário nacional e internacional, e que no capitalismo, sistema cujo único interesse é o lucro, qualquer país que seja defende apenas os seus interesses.

Caso você queira conhecer um pouco mais sobre esse primeiro texto que foi vetado leia em Parlamentares aprovam venda de nossas florestas




Tópicos relacionados

Floresta amazônica   /    desmatamento   /    Política

Comentários

Comentar