REFORMA TRABALHISTA

Senadores, 28 deles comprados pela JBS, discutem reforma trabalhista na véspera do #OcupaBrasília

terça-feira 23 de maio| Edição do dia

No início dessa tarde começou a reunião conjunta da Comissão de Assuntos Econômicos. Foi apresentado o parecer do deputado Ferraço do PSDB que já havia se pronunciado defendendo a pressa de aprovar as reformas e retirar Temer. A pressa dos deputados é tamanha que a comissão começou as 07 horas da manhã e não teve pausas.

De costas para a população revoltada com a corrupção do governo Temer e com todas medidas que destroem os direitos sociais e trabalhistas os senadores querem mostrar serviço para os empresários tocando as reformas com essa pressa. Os mesmos deputados e senadores que aprovaram o golpe institucional, depois a destruição da saúde e educação com a PEC 55/241 agora querem a toque de caixa a reforma trabalhista.

Amanhã os trabalhadores darão uma nova resposta a essa provocação na Ocupação de Brasília, é urgente uma nova greve geral para derrubar todas reformas e Temer.




Tópicos relacionados

#OcupaBrasília   /    Reforma Trabalhista

Comentários

Comentar