Educação

LUTA NA USP

Segunda plenária unificada da FEUSP organiza mobilização no dia 31

Pela segunda vez, estudantes, professores e funcionários da Faculdade de Educação da USP se reúnem para refletir e construir a mobilização conjuntamente. Na plenária desta quinta-feira, foi debatida a participação da faculdade no ato do dia 31.

quinta-feira 30 de março de 2017| Edição do dia

Na tarde desta quinta-feira, estudantes, professores e funcionários da Faculdade de Educação da USP se reuniram na segunda plenária dos três setores ocorrida esse ano. O tema desse encontro foi a mobilização nacional convocada para a sexta-feira, dia 31 de março.

Contra Reforma da Previdência e a PL da terceirização irrestrita, e também em solidariedade à greve dos professores, as três categorias em unidade decidiram se incorporar ao ato que vai acontecer na Av. Paulista nessa sexta.

Haverá uma concentração na Faculdade de Educação às 15h30 com uma roda de discussão sobre a Reforma da Previdência, com professores, estudantes e trabalhadores. Depois, seguirão juntos para a concentração do ato, com materiais de agitação garantidos pelo Centro Acadêmico.

Plenárias unificadas como essa são fundamentais para a organização nas bases de um plano de lutas real, que consiga barrar os ataques da reitoria e dos governos. Na primeira plenária, os temas foram a repressão do dia 7 de março na USP, os ataques da Reitoria e a paralisação nacional chamada para o dia 15, da qual a Faculdade participou massivamente.

A próxima plenária acontecerá em abril.




Tópicos relacionados

CAPPF   /    Educação   /    Educação   /    USP   /    Juventude

Comentários

Comentar