Política

Secretário executivo de Covas emprega familiares e amigos na prefeitura de São Paulo

sexta-feira 22 de junho| Edição do dia

Gustavo Garcia Pires, o então secretário executivo do prefeito Bruno Covas, concedeu cargos de confiança para amigos de faculdade e até para a sua mãe, que agora foi nomeada para um cargo na SPtrans. Gustavo já estava no governo desde a gestão do Dória, quando Bruno Covas ainda era vice-prefeito e cuidava da casa civil.

Gustavo é amigo do então prefeito Bruno Covas e já acumulava cargos em 2017 cuidando da agenda de Covas. Com esse cargo Gustavo já viajou para os EUA com outros servidores da prefeitura, junto com Bruno Covas, e recebeu cerca de R$ 2.615 da prefeitura para gastar com transporte e alimentação.

Gustavo nomeou 5 amigos da universidade em que estudou e também sua mãe, o ministério público acabou abrindo um inquérito para investigar as nomeações. A prefeitura alega que todos que foram nomeados tem histórico no mercado de trabalho compatível com as funções e que reduziu cargos em comissão ainda em 2017.

O estranho é que uma das nomeadas por Gustavo Pires foi exonerada no seu período de férias no início desse ano e ainda não foi divulgado o motivo, muito menos se a ex-servidora volta para outra função na prefeitura quando acabar seu período de férias.

Escândalos com cargos comissionados sem concursos públicos no estado e prefeitura da cidade de São Paulo já são recorrentes, houveram situações parecidas com a atual ALESP onde Alckmin quis manter cerca de 40 cargos comissionados sem concurso.

A prefeitura em nota defende ainda que o Secretário executivo tem direito de dar cargos comissionados e que fica surpreso com a Folha de São Paulo, que foi quem apurou o caso e questionou a prefeitura sobre as nomeações suspeitas.




Tópicos relacionados

nepotismo   /    Corrupção   /    Política

Comentários

Comentar