Economia

BREXIT

Saída do Reino Unido da UE causa forte turbulência em Bolsas europeias e asiáticas

A notícia da decisão do Reino Unido de sair da União Européia abalou os mercados europeus e asiáticos nesta sexta-feira, dia 24. Acompanhe pelo Esquerda Diário.

sexta-feira 24 de junho de 2016| Edição do dia

A notícia da decisão do Reino Unido de sair da União Européia abalou os mercados europeus e asiáticos nesta sexta-feira, dia 24. No dia de hoje o primeiro ministro britânico anunciou também sua renúncia após derrota no referendo que votou a saída. O capital financeiro de Londres é o segundo mais importante do mundo (por vezes ultrapassa os EUA em importância na relação com alguns países) devido a Libra Esterlina cumprir o papel de intermediária de câmbio entre o Dólar e o Euro, além de outras moedas. Ou seja, como mostram as quedas das Bolsas, haverá terremoto econômico na Europa e a nível mundial. O principal índice da Bolsa japonesa, o Nikkei, obteve a maior queda diária em cinco anos, no dia de hoje. Veja abaixo a situação das bolsas:

BREXIT’ nas Bolsas (índices de mercado):

- Reino Unido (FTSE-100): -2%
- Paris (CAC-40): -6,77%
- Frankfurt (DAX): -5,85%
- Madrid (Ibex-35): -10,96%
- Milão (FTSE-MIB): -10,28%
- Lisboa (PSI-20): -6,57%
- Tóquio (Nikkei): -7,92%
- Xangai (CSI300): -1,29%

Na Bolsa de Nova York o índice S&P 500 caía 2,13% até poucos momentos atrás, já o Dow Jones descia em 2,12%, enquanto que o Nasdaq -2,63%. No Brasil Ibovespa perdia 2,87%.

CÂMBIO

No mercado cambial, em relação ao dólar a libra chegou a cair 10% hoje, a maior queda desde 1985. Por volta das 11h, a moeda britânica recuava 6,64%, enquanto o euro caía com força contra o dólar (-2,21%). No Brasil o dólar abriu com forte valorização frente ao real, mas perdeu força. Às 11h16 o dólar à vista subia para 3,3600, enquanto que o dólar comercial subia 0,74%, para 3,3700.

(atualizado 12h47)




Tópicos relacionados

Brexit   /    Economia

Comentários

Comentar