×

Dom e Bruno | Ricardo Salles, ex-ministro de Bolsonaro, também é responsável pelas mortes de Dom e Bruno

Salles, ex-ministro do Meio Ambiente, fortaleceu garimpeiros e madeireiros, lembrando que Salles surgiu na vida política através de Alckmin, como seu secretário do meio ambiente, quando ainda era governador de São Paulo. Justiça por Dom e Bruno! Bolsonaro, militares e ruralistas são responsáveis! Chega de trégua, as centrais sindicais precisam convocar mobilizações urgente!

terça-feira 21 de junho | Edição do dia

Imagem: Marcelo Camargo/ABR

Ricardo Salles, ex-ministro do Meio Ambiente de Bolsonaro, também é responsável por esses assassinatos, pois teve forte atuação à favor de garimpeiros e madeireiros, lembrando que Salles surgiu na vida política através de Alckmin, como seu secretário do meio ambiente, quando ainda era governador de São Paulo, o que mostra como não podemos ter ilusões na chapa Lula-Alckmin, sendo somente a independência de classes que pode combater verdadeiramente o bolsonarismo, e não o PT e sua política conciliação que buscar fortalecer setores reacionários do regime.

Além disso, quando foi ministro da Justiça de Bolsonaro, Sérgio Moro exonerou Bruno do cargo de coordenador da Funai, após ação que aprendeu e queimou dezenas de embarcações do garimpo no Vale do Javari. Depois disso Bruno se licenciou e passou a trabalhar na Unijava, organização que estava vinculado quando foi assassinado.

É preciso que as centrais sindicais, como a CUT e a CTB, dirigidas por PT e PC do B, saiam da paralisia e promovam mobilizações pela base por todo o país. É um absurdo que o Brasil não esteja paralisado contra esses ataques absurdos, com assembleias em todo local de estudo e trabalho, unificando toda a classe trabalhadora e organizando um plano de lutas, construindo greves por todo o país, sendo essa mobilização a única força que pode de fato derrotar Bolsonaro e toda a extrema-direita.

Justiça por Dom e Bruno! Bolsonaro, militares e ruralistas são responsáveis! Chega de trégua, as centrais sindicais precisam convocar mobilizações urgente!




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias