Educação

GREVE MG

Professores do interior de MG dão passos para tomar a greve em suas mãos

Publicamos a seguir relato das atividades do comando de greve regional junto à subsede de Pouso Alegre, Sul de Minas. Um passo na auto-organização dos professores em greve, após a última assembleia em que os professores atropelaram a direção do SindUTE-MG que tentou impor o fim da greve sem nenhuma conquista à revelia da base. Sem arrego, podemos ter conquistas dos professores e derrotar o governo petista e intransigente de Fernando Pimentel.

quarta-feira 18 de abril| Edição do dia

“A subsede de Pouso Alegre, em conjunto com o Comando Regional de Greve, vem atuando na passagem em escolas das cidades da região. Buscando informar e convidar a categoria a aderir à greve estadual. Após a assembleia do dia 18, realizamos passagem em escola, panfletagem, reuniões e entrevista a rádio.

Além do trabalho com os professores, o comando tem focado em conversar com as ASB e ATB para conscientizar sobre a importância da luta, e que não é apenas dos professores, e sim para todos os trabalhadores da educação mineira.

Entre os pontos discutidos com maior frequência estão:

1) Pagamento do Piso, os retroativos e o fim do parcelamento de salários;
2) A aprovação da PEC do Piso e suas consequências;
3) A melhoria dos serviços do IPSEMG;
4) Com as ASB, procuramos sempre reafirmar a nossa luta conjunta principalmente com aqueles/aquelas que sofrem diariamente com precariedade contratual com a não realização de concursos, somados a isto os mais baixos salários da educação e a recorrência de assédio nos ambientes de trabalho;
5) O convite para irem a Belo Horizonte para discutirmos em assembleia os rumos da greve;
6) E a participação nos atos em Ouro Preto no dia 21.”




Tópicos relacionados

Greve Educação MG   /    Minas Gerais   /    Juiz de Fora   /    Contagem   /    Educação   /    Belo Horizonte

Comentários

Comentar