Política

DERROTAR O SAMPAPREV DE DORIA

Professores de SP votam continuidade da greve para derrotar o SampaPrev de Doria

terça-feira 20 de março| Edição do dia

FOTO: Marcelo Ferraz/UOL

A Assembleia de professores municipais de São Paulo representou a força da categoria para derrotar Dória no dia de hoje (20/03), quando os professores decidiram manter a greve.

Diante da pressão da categoria dos professores, junto com inúmeras categorias de servidores municipais que também paralisaram,a Câmara Municipal retrocedeu em sua tentativa de golpe de Dória, cujos aliados tinham marcado sessão para a madrugada de hoje.

As sessões extraordinárias foram todas canceladas.

Em seguida à assembleia, os professores saíram em ato, sob fortíssima chuva que caiu nesta tarde, cantando "Não tem Arrego!". "Professor na rua, Dória a culpa é sua". Professores, inclusive aposentados, mostraram sua disposição para barrar o SampaPrev.

Leia também: Professores de São Paulo: Tomar as ruas unificando as lutas para vencer!

Decisões da Assembleia de Hoje - 20/03/2018

- Continuidade da greve;
- Nova Assembleia em frente à Prefeitura (Viaduto do Chá), quinta-feira, 22/03/2018, às 13h, com caminhada até a Câmara Municipal. Chegada à Câmara às 15h;
- Sexta-feira, 23/03/2018 - ato na Paulista, às 14h, com caminhada até a Câmara Municipal novamente;
- Esta semana e a próxima serão decisivas para a categoria. Precisamos derrotar esse PL e intensificar a pressão aos vereadores. Portanto, nos dias em que não houver assembleia, devemos fazer os atos regionalizados, junto aos vereadores;
- Não devemos aceitar um substitutivo de PL. Só devemos aceitar a RETIRADA DO PL 621/16;




Tópicos relacionados

Greve Professores Municipais SP   /    João Doria   /    Política

Comentários

Comentar