GREVE PROFESSORES

Professores da Unemat entram em greve

Os professores da Universidade de Mato Grosso decidiram entrar em greve nesta segunda-feira, em assembleia realizada pela categoria e impulsionada pela Associação dos Docentes da Universidade do Estado de Mato Grosso (Adunemat). A greve é motivada pelo atraso no pagamento dos salários do mês de outubro, contra a PEC dos gastos e o escalonamento dos salários dos servidores.

terça-feira 14 de novembro| Edição do dia

“Professores de universidade, delegados, enfermeiros, estão todos sem salátrio até hoje. O que nós queremos é que o governo tenha compromisso e priorize a folha de pagamento como está previsto na legislação vigente”, afirmou o representante do Fórum Sindical, Oscarlino Alves.

O governo alega que não houve o pagamento dos salários por conta da “frustração” com a arrecadação, pois receberam 9% a menos do que a arrecadação prevista na Lei Orçamentária Anual (LOA). Como de costume, os primeiros a sentirem o peso da suposta falta de arrecadação são os trabalhadores ou os professores. Ironicamente, os super salários dos cargos da burocracia universitária foram garantidos em dia.

Todo apoio a greve de professores da Unemat.




Tópicos relacionados

Greve   /    Educação   /    Universidade   /    Professores

Comentários

Comentar