Educação

VOLTA AS AULAS

Prefeitura de São Paulo vai autorizar a volta as aulas a partir de 3 de novembro

O Prefeito de São Paulo, Bruno Covas, anunciou na tarde desta quinta-feira que vai permitir a volta as aulas presenciais para escolas de ensino médio a partir do dia 3 de novembro

quinta-feira 22 de outubro| Edição do dia

(Foto: Reprodução)

A decisão foi tomada pelo prefeito, Bruno Covas, após resultados do Censo Sorológico, onde se pretende testar todos os estudantes e trabalhadores da educação da cidade. Segundo o Censo Sorológico, cerca de 13% dos estudantes e professores da capital já foram infectados pelo novo coronavírus.

O prefeito afirma ainda que serão tomadas todas as medidas sanitárias necessárias, o que contrasta com a realidade das escolas públicas, onde muitas não possuem nem sequer água nos banheiros. Além disso, afirmou que somente entrarão em sala de aula os professores que estiverem imunes ao novo coronavírus, ainda que não exista certeza na comunidade científica sobre como e por quanto tempo funciona a imunização.

Leia também: Não à reabertura das escolas! Por um plano emergencial imposto pelas comunidades escolares!

É fundamental que o retorno das aulas seja uma decisão tomada pela comunidade escolar de conjunto, e que existam de fato condições sanitárias no retorno.




Tópicos relacionados

escolas públicas   /    escolas privadas   /    pandemia   /    Bruno Covas   /    Educação   /    São Paulo (capital)

Comentários

Comentar