Política

PRIVATIZAÇÃO

Preço da privatização: Petrobras de Bolsonaro aumenta o gás de cozinha em 5%

quinta-feira 26 de dezembro de 2019| Edição do dia

Sob comando Bolsonarista a Petrobras aumentou mais uma vez o preço do gás de cozinha. A partir de amanhã ele estará 5% mais caro em todo país. Esse aumento pesa fortemente no bolso dos trabalhadores.

A livre "flutuação" do preço dos combustíveis é uma exigência das empresas imperialistas para entrar no mercado de gás e de derivados de combustíveis no país. Não querem assumir as responsabilidades da Petrobras sem a garantia que irão extrair o máximo de lucro possível. Desde o governo golpista de Temer, o gás de cozinha, o diesel e a gasolina variam conforme a cotação internacional e conforme a cotação do dólar.

Os trabalhadores de todo o país pagam a conta da preparação da privatização da infra-estrutura de petróleo e derivados construídas ao longo de décadas. A privatização iniciada no governo Dilma, sob o nome de "desinvestimento", aumentou fortemente sob Temer e deu um salto com Guedes e Bolsonaro que buscam entregar todas as riquezas nacionais ao imperialismo.




Tópicos relacionados

Privatização da Petrobras   /    Política

Comentários

Comentar