Educação

EDUCAÇÃO SP

Pombos em cozinhas e comida vencida escancaram descaso do estado com educação em SP

sexta-feira 18 de agosto| Edição do dia

Nessa última terça-feira, o TCESP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) realizou uma fiscalização surpresa em mais de 250 escolas de identificou diversas irregularidades, o que mostra o crescente descaso do governo do estado de SP comandado por Alckmin e o sucateamento do ensino público.

Foram encontrados alimentos fora da validade, latas de comida enferrujada, geladeiras enferrujadas e pombos dentro dos refeitórios e cozinhas. Em várias escolas, vários produtos vencidos como feijão e leite, que podem causar infecção alimentar nas crianças.

Além disso, outros produtos como extintores de incêndio, hidrantes sem mangueiras, alimentos com produtos de limpeza também foram apontados enquanto irregularidades, oferecendo grande perigo em casos de incêndio para as crianças e os professores.

Tal fiscalização vem junto a denúncia feita pela professora Marcella Campos, que fez um vídeo que viralisou nas redes sociais denunciando o corte de merendas pelo prefeito da cidade de São Paulo, João Dória, que bombou nas redes sociais alcançando milhares de acessos. O prefeito coxinha, argumentou que a merenda estaria se “adequando” fruto da obesidade infantil, o que na prática significa deixar as crianças com fome.

CONVITE | Encontro de professores: O papel dos professores para enfrentar a crise

VEJA TAMBÉM
- Além de merenda, Doria também quer crianças sem professores
- Doria proíbe crianças de repetir merenda nas creches e escolas
- Há três anos sem reajuste salarial, professorado paulista perde 25% do seu poder de compra
- Nova escola de 8 mil por mês: Educação como bem imaterial e inalienável pra quem ?




Tópicos relacionados

Máfia das Merendas   /    máfia da merenda   /    Alckmin   /    Educação

Comentários

Comentar