Internacional

XENOFOBIA

Política xenófoba de Trump para endurecer a vinda de imigrantes

Os Estados Unidos tem plano de negar asilo aos migrantes que atravessarem a fronteira, endurecendo o sistema atual que permite rever os casos dos solicitantes, independente de como tenham entrado no país.

sexta-feira 9 de novembro| Edição do dia

Esta modificação, que espera uma proclamação oficial do presidente Donald Trump, nesta sexta - feira, se fundamenta em uma lei de de segurança que prevê reduzir as proteções humanitárias se supostamente o país tiver correndo algum risco ou estiver em uma situação de risco.

Esta elaboração avançou na mesma medida que a caravana de migrantes centro - americanos que atravessa o México para pedir asilo. Nestas ultimas semanas, coincidindo com a campanha das eleições legislativas de terça-feira, o presidente dos Estados Unidos ameaçou fechar a fronteira sul, enviando milhares de soldados para proteger a área, demonizando a dita imigração ilegal relacionando com criminosos de alto calibre e disse que a caravana que se dirige à fronteira, é uma invasão.

Esta nova regulamentação daria a Trump a mesma autoridade que usou para proibir a entrada no país de viajantes oriundos de países predominante muçulmanos, alguns dias depois que assumiu o cargo. De acordo com o El Pais, desde 2014, os pedidos de asilos aumentaram quatro vezes, além do acúmulo de mais de 750.000 casos pedentes nos tribunais de imigração dos Estados Unidos.

A política que Donald Trump vem tendo contra a imigração está a serviço do imperialismo e dos grandes capitalistas locais que precisam de ter uma massa que se submeta a ilegalidade para que a única coisa que consiga no país é um emprego precário. Além disso, a política do Trump é consciente para provocar divisão entre os trabalhadores americanos.




Tópicos relacionados

Imperialismo   /    Xenofobia   /    Donald Trump   /    Internacional

Comentários

Comentar