Mundo Operário

Privatização da CEDAE

Pezão veta emenda que suspendia a privatização da CEDAE

“Eu não vou colocar a recuperação fiscal do estado em risco faltando três meses para eu deixar o governo” – Afirma o governador

sexta-feira 21 de setembro| Edição do dia

Três dias após a Alerj votar uma emenda que proibia a venda da CEDAE, o governador Pezão vetou a emenda. A emenda colocava em risco Regime de Recuperação Fiscal (RRF) em risco.

Veja mais: O que é o Regime de Recuperação Fiscal e porque devemos combatê-lo

Eu não vou colocar a recuperação fiscal do estado em risco faltando três meses para eu deixar o governo

Com essa afirmação o governador reafirma seu compromisso com atacar os trabalhadores, mesmo no fim do seu mandato e não disputando nenhum cargo.

Ver também: A CEDAE é do povo! Não a privatização!

Apesar da emenda ter sido aprovada na Aerj, o governador já manobra para conseguir impedir a derrubada do veto na Alerj, mostrando que nós não podemos ter nenhuma confiança nessa instituição que votou a favor da privatização da CEDAE. Só a mobilização independente dos trabalhadores pode reverter esse ataque:

Não a privatização da CEDAE! A CEDAE é do povo!

Por uma CEDAE 100% estatal gerida pelos trabalhadores e com controle da população!




Tópicos relacionados

Crise capitalista   /    Que os capitalistas paguem pela crise!   /    CEDAE   /    Luiz Fernando Pezão   /    Crise no Rio de Janeiro   /    Rio de Janeiro   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar