Economia

BOLSONARO

Paulo Guedes quer fusão do Banco do Brasil com Bank of America

Bolsonaro junto a Paulo Guedes especulam impor um enorme ataque aos trabalhadores: privatizar e tornar o Banco do Brasil uma extensão do Bank of America.

quarta-feira 7 de novembro| Edição do dia

Imagem: Contraf

Segundo o Poder 360 a operação ainda é incerta. Segundo o jornal, porém, o Banco do Brasil certamente está na mira:

"Uma coisa é certa: o BB não vai passar incólume pelos 4 anos do governo de Jair Bolsonaro. O primeiro item a ser colocado à disposição da iniciativa privada deve ser a área de “asset management”.

O imenso ataque que isso representaria está interligado com a ofensiva norte-americana em aumentar seu poder de influencia imperialista nos países da América Latina, em especial o Brasil. Steve Bannon, o magnata que influenciou as eleições em diversos países e, inclusive, aconselhou Eduardo Bolsonaro na campanha de seu pai recentemente em entrevista a Folha declarou: "o Brasil deveria estar preocupado e fazer algo a respeito do capitalismo predatório da China." (...) "Não se trata de confrontá-los, trata-se de aprofundar o relacionamento com os Estados Unidos."

A vitória de Bolsonaro representa uma tentativa dos EUA de aplicar ataques históricos a classe trabalhadora brasileira, e de extrair as riquezas brasileiras para seus bolsos. Ataques ainda mais profundos que no Governo Temer, seguindo uma tendência que se iniciou no segundo governo Dilma de reformas neo-liberais. A Petrobras (Shell já detêm parte significativa do Pré-Sal), o Banco do Brasil e a Embraer (recentemente privatizada) são alguns dos principais alvos americanos. Bolsonaro também anunciou hoje que vai extinguir Ministério do Trabalho para acabar com as leis trabalhistas.

É preciso que as centrais sindicais rompam com a sua passividade costumeira e convoquem um plano de lutas sério contra os ataques que Bolsonaro quer implementar. Que convoquem em cada local de trabalho e de estudo um plano de mobilização para colocar de pé uma enorme paralisação nacional que prepare as condições para uma greve geral que coloque um fim nos planos de Jair Bolsonaro e sua equipe.




Tópicos relacionados

Paulo Guedes   /    Governo Bolsonaro   /    Imperialismo   /    Bolsonaro   /    Economia

Comentários

Comentar