Sociedade

VIOLÊNCIA POLICIAL

PM-MG intimida homem que reclamava de aglomeração durante passagem de Bolsonaro

segunda-feira 29 de junho| Edição do dia

Bolsonaro fez uma visita, fora da agenda oficial, ao Batalhão Mauá, do Exército, na cidade de Araguari-MG. No local, seus apoiadores, muitos sem máscara, fizeram uma aglomeração para recebê-lo. Um homem que reclamava, indicando inclusive razões de saúde pública, por causa da pandemia da Covid-19, foi intimidado e ameaçado pela PM.

No vídeo é possível ver o policial mandando ele se se calar e “parar de encher o saco”. Em um momento, ele inclusive o ameaça “você vai tomar uma” e termina dizendo “foda-se, sai daqui!”.

A comparação da atuação da PM neste caso com a truculência dela nas manifestações antifascistas e anti-racistas que ocorreram em diversas cidades, inclusive no próprio Triângulo Mineiro, mostra qual é o seu lado e a quem ela serve.

Neste sentido, não podemos apoiar greves policiais nem pedir melhores condições de trabalho. Devemos nos mirar nos manifestantes dos Estados Unidos que vão às ruas pedir a abolição deste órgão racista que serve para reprimir os trabalhadores e o povo pobre.




Tópicos relacionados

Governo Bolsonaro   /    Minas Gerais   /    Repressão   /    Sociedade   /    violência policial

Comentários

Comentar