HISTÓRIA DA CLASSE OPERÁRIA NO BRASIL / DE VARGAS AO GOLPE DE 64 / PARTE 2/

PCB, era Vargas, golpe de 64 e burguesia democrática

Gilson Dantas

Brasília

quarta-feira 21 de novembro| Edição do dia

A seguir, temos o segundo trecho [de três] de uma palestra sobre História da classe trabalhadora na era que vai de Vargas até o golpe de 1964.

Seguindo a argumentação do vídeo anterior, naquele que vem logo abaixo, damos continuidade ao exame das correntes políticas da classe operária naquele tempo, e aqui serão debatidas as concepções estratégicas do PC, também do trotskismo pré-golpe de 64 e do trotskismo pré-II Guerra [a Liga Comunista organizada por Mário Pedrosa, Lívio Xavier e outros]. E também a concepção diferenciada, em relação
à do PCB, de um dissidente seu, Caio Prado Jr.

O que tem a dizer cada uma dessas abordagens [político-teóricas] a respeito do sujeito proletariado e da natureza da revolução brasileira? É em parte o tema aqui debatido, naquilo que guarda atualidade, de alguma forma.

Na sequência deste artigo, brevemente publicaremos o vídeo que finaliza a discussão sobre aquele período onde a classe trabalhadora alcança a era de sucessivas greves de massas, em plena Guerra Fria, e quando então levanta seu primeiro partido político de massas; mas que não passará no teste da história, quando as forças da reação e das massas sublevadas, em pleno auge da crise do regime burguês, se colocarem no centro do palco, na primeira metade dos anos 1960.

O vídeo abaixo, de 29 minutos pode ser visto, caso lhe interesse, lembrando que sua finalização deverá ser publicada na semana que vem.




Tópicos relacionados

Getúlio Vargas   /    História do Brasil

Comentários

Comentar