Mundo Operário

NOSSA CLASSE

Os males da terceirização e da precarização do trabalho

Porque será que a terceirização tem aumentado tanto e qual a sua relação com a precarização do trabalho?

quarta-feira 26 de outubro de 2016| Edição do dia

Terceirizar é uma prática onde uma empresa contrata outra para prestação de um determinado serviço. Em minha opinião é transferir para outros a responsabilidade que é sua.

A situação é mais ou menos assim: contrata-se cada dia menos para se fazer cada dia mais. Aí então fica mais ou menos configurado assim: De um lado lucramos patrões, (contratante e a empresa contratada) e do outro trabalham com baixos salários nós (classe operária).

Considerando a grande movimentação financeira desse sistema capitalista, essa prática têm se difundido bastante e com grande rapidez por todo o mundo. Aqui no Brasil, há anos que nós sabemos que esses contratos vêm sendo usados e abusados. Já sabemos também que, com a alegação de cortar gastos com as despesas com funcionários, ela serve mesmo é para baratear a mão-de-obra, evitar eventuais despesas com processos por direitos trabalhistas, indenizações, encargos e impostos entre outros, servindo apenas para aumentar os lucros dos patrões e aumentar a carga de trabalho e as opressões sobre os trabalhadores.

É muito comum a gente deparar com trabalhadores terceirizados, principalmente nos setores de limpeza e segurança onde a precarização é bastante visível. Em vários outros segmentos também já há muito tempo a precarização vem acontecendo devido à introdução da terceirização, pois muitos trabalhadores são colocados em postos de trabalho sem nenhum treinamento para isso, apenas para fazer o serviço de um profissional e o patrão pagar menos por isso e assim aumentar seus lucros. É notórios esses casos em repartições bancárias, Telemarketing, portarias, fabricas Hospitais, etc.

Enquanto a terceirização vem avançando e a cada dia mais coloca os trabalhadores pobres e negros em situações cada vez mais humilhantes e, sobretudo com sobrecarga de trabalho, os patrões seguem lucrando e aumentando seus patrimônios, sem se importar com a classe operária, que se sacrifica para defender o mínimo de sustento para sua família.

O sistema capitalista que pouco importa com a saúde, a educação e a moradia do povo pobre, está incessantemente aumentando a lucratividade da classe dominante burguesa que cada vez mais enxuga seus postos de trabalho com a terceirização, que induz a precarização e consequentemente ao adoecimento dos trabalhadores que são submetidos a jornadas cada vez mais brutais.

A terceirização é no meu entender, nada mais do que o trabalho escravo legalizado, onde cada vez mais os patrões detêm o controle com as rédeas curtas sobre o trabalhador que continua de mãos atadas e sofrendo as opressões e desmandos desse sistema que todos os dias aumenta os privilégios dos ricos e empurra o pobre para o abismo.

A terceirização humilha, adoece e divide as pessoas, como se fossemos diferentes e nâo, humanos da mesma espécie e merecemos todo respeito.




Tópicos relacionados

Terceirização   /    Movimento Nossa Classe   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar