Sociedade

CORONA VÍRUS

O que vale mais? 8 considerações sobre o Corona Vírus

Algumas considerações sobre o Corona Vírus

quarta-feira 11 de março| Edição do dia

Criador: RAHEL PATRASSO / Crédito: REUTERS

1) É uma questão de tempo para o Corona Vírus se alastrar pelas classes exploradas, vulgo trabalhadores. Por enquanto ele continua nos meios com maior renda que são os que viajam para Itália etc. Já é inevitável que essa doença se alastre pelo país.

2)Mas essa não é a preocupação dos capitalistas. A preocupação é como aproveitar o cenário ameaçando todos com uma catástrofe caso as reformas neoliberais não sejam implementadas. Vulgo "confiança" do mercado: é essa a saída prometida para conter um vírus que é um problema de saúde pública.

3) No capitalismo, quem manda é o Capital. A preocupação central de Bolsonaro e Guedes não é proteger a população contra a pandemia e as potenciais milhares de mortes que esse vírus causará. Por isso estão tranquilos e usam da ameaça contra a população para impor outra ameaça com um pacote de ajustes. Rodrigo Maia, Judiciário e Globo também partem da mesma posição. Uma pandemia é mais uma oportunidade de negócios.

4) Não se trata de pânico. De fato, a letalidade dele é baixa, aproximadamente 3%, mas vejamos nosso cenário: 1) uma população de milhões que sofreu congelamento no teto de gastos e que nos últimos anos vem sofrendo de políticas de austeridade fiscal em nome da "responsabilidade fiscal"; 2) condições de trabalho precárias e baixos salários para ter uma qualidade de vida digna (portanto uma boa saúde), 11 milhões de desempregados; 3) filas no INSS e Bolsa Família, logo os mais idosos e pobres, os mais vulneráveis, a mercê do destino; esses fatos levam a projeções catastróficas se nada for feito.

5)Contudo, Bolsonaro, Guedes, Rodrigo Maia, nada farão para proteger a população. Pelo contrário, estão fazendo de tudo para proteger o mercado e seus aliados acionistas internacionais com propostas como a "carteira verde e amarelo". Manterão a "responsabilidade fiscal" para manter o pagamento dos bilionários detentores da dívida pública e buscam atacar os salários e serviços que o Estado deve cumprir com a população.

6)O capitalismo se alimenta de exploração, sofrimento e mortes. Por isso é urgente que agora se revogue o teto de gastos e a lei de responsabilidade fiscal para que o país se prepare para proteger a população e conter essa pandemia mundial, quem morrerá em nome da "modernização" da economia do Brasil são os trabalhadores pobres, em sua maioria idosos que não conseguem garantir seus direitos.

7) Uma saída moderna de fato é acabar com essa lógica capitalista suicida que responde problemas graves de saúde pública mundial com... crise econômica, nada mais atrasado e estúpido. Uma situação dessa, que deveria ser respondida com solidariedade internacional e um plano mundial de contenção do Corona Vírus, está nas mãos de acionistas e especuladores que mais se preocupam com seus investimentos e lucratividade do que com a vida e a saúde da classe trabalhadora e oprimidos de todo mundo.

8) Dia 14 e 18 de Março, por justiça Marielle e contra o governo Bolsonaro, são lutas que podem indicar uma perspectiva oposta a saída fúnebre que nos é proposta por Bolsonaro, Guedes e seus amigos. Para isso é preciso nos inspirar nos petroleiros e sua forte greve neste ano e somar a isso a fúria dos estudantes que foram linha de frente contra Weintraub no ano passado. Somente a unidade da classe trabalhadora, juventude e oprimidos pode impor uma saída racional e consequente.

Nossa vida vale mais que o lucro deles.




Tópicos relacionados

Coronavírus   /    Sociedade

Comentários

Comentar