Cultura

POEMA

O menino que não entende

terça-feira 30 de agosto| Edição do dia

Condomínios fechados,
o menino é o perigo.
Muros que tapam a realidade,
o menino é feio.
Grandes mansões construídas,
o homem trabalhou para isso.
O lucro bilionário de uma empresa,
o homem fez por merecer.
Nasceu com esse destino.
É tudo muito fácil de explicar,
quem não entende é o menino.




Tópicos relacionados

Poesia   /    Cultura   /    Juventude

Comentários

Comentar