FLÁVIO ROCHA

O escravocrata pré-candidato pelo PRB resume o problema da violência à "vitimização"

O empresário dono da Riachuelo, Flávio Rocha, perdeu mais uma vez a oportunidade de ficar calado. Dessa vez, soltou em sua conta do Twitter um vídeo em que solta várias afirmações absurdas sobre a questão da segurança no país, como: "Tem que acabar com essa história de vitimização do bandido".

sexta-feira 22 de junho| Edição do dia

Se já não bastasse ser um verdadeiro escravista que foi processado por utilizar mão de obra escrava e também ser um dos entusiastas da reforma trabalhista para poder extrair o máximo que pode de todos os seus funcionários gastando o mínimo possível, o reacionário empresário e pré-candidato à presidência também afirma em sua entrevista que devemos prestigiar os "herois" da sociedade que são os policiais, ignorando que a polícia militar é justamente a polícia que mais mata em todo o mundo, e não à toa mata negros numa proporção maiores que em países em guerra decretada.

Para ele, o problema da segurança no país se resume à "vitimização do bandido", como se hoje o que primasse fosse a impunidade por pequenos delitos. Tenha vergonha! As cadeias estão superlotadas, suportando até 197% a mais que sua capacidade máxima e têm justamente 40% de toda sua composição ainda sem receber julgamento! E enquanto isso, empresários escravocratas como Flávio Rocha seguem impunes escravizando ou "semiescravizando" dia a dia os seus funcionários com o aval do governo implementando reformas e regimes de contrato cada vez mais desumanos.

O problema da segurança no Brasil está longe de ser resolvido com a assassina e racista polícia militar, que quando maior a crise econômica que vivemos no país, mais se explicita como carnicera defensora da propriedade privada e contra a existência de pobres e negros.

O problema do Brasil está longe de ser a "vimitização" e sim a existência de classes sociais tão antagônicas, onde em um mesmo país existe um empresário, como ele, que se sustenta sobre o trabalho escravo em pleno século XXI, e uma enorme parcela da população que sobrevive com menos de 1 salário mínimo. Isso é "vimitização"? E xilique de Flávio Rocha contra os processos que recebeu contra sua utilização de trabalho escravo, é o que?




Tópicos relacionados

Segurança Pública   /    Riachuelo   /    Trabalho Escravo   /    Eleições 2018   /    Violência Policial

Comentários

Comentar