Política

“Não faço nada de errado, só trafico droga”, diz Zezé Perrella à Aécio Neves

"E aí chefe, tudo bem?", começa assim o diálogo entre os tucanos Zezé Perrella e Aécio Neves, onde Perrella afirma não fazer "nada de errado, só trafico droga" e Aécio sugere que ambos receberam dinheiro de propina.

terça-feira 30 de maio| Edição do dia

Em audio vazado na internet que mostra uma ligação telefônica entre os senadores tucanos Aécio Neves e Zezé Perrella, o ex-candidato à presidência cobra de Perrella uma postura diferente, sugere algumas vezes que ambos receberam propinas para suas campanhas e em um dado momento dá uma risada após Perrella dizer que não faz “nada de errado, só trafico droga”.

Perrella ficou famoso após o escândalo do ‘helicoca’, helicóptero encontrado com 445 kg de cocaína de posse da família Perrella. Até hoje o escândalo vem sendo abafado pela grande mídia e família saindo impune.

Perrella é o exemplo vivo de grandes barões do tráfico que saem impunes na chamada “guerra às drogas”. Enquanto milhares de jovens negros são assassinados todos os dias nas periferias e morros do país sob o discurso de acabar com o tráfico e o crime, alguns poucos milionários lucram horrores com esse sistema e muitos deles habitam os andares de cima da política e da elite nacional. Para que o jovem seja assassinado pela polícia na favela, algum grande empresário do ramo deve lucrar, assim é o funcionamento dessa grande empresa capitalista que é o tráfico ilegal de drogas, com direito a isenção fiscal garantida.

Para além de participar dos grandes ataques que o governo Temer vem fazendo contra a população e apoiar as reformas da previdência e trabalhista, Perrella e Aécio escancaram a relação promíscua entre grandes empresas e suas campanhas nos áudios. Aécio não chega a afirmar abertamente, mas dá a entender que tanto Perrella, quanto Anstasia e Aécio tiveram campanhas regadas à caixa 2. Colocamos abaixo a transcrição de parte do audio e um link para ouvir toda a conversa aqui:

Aécio Neves: “como é que você acha que você chegou no senado? Sua campanha foi financiada do mesmo jeito que a minha.”

Zezé Perrella: “claro, claro”

AN: Não? E corretamente.

ZP: Não, mas eu não cito o nome de ninguém, Aécio.

AN: Cê julgou, Zezé… era o que faltava. Cê jogou todo mundo na lama, né? Você nos igualou, cê me julgou! O campo do PT, dos picaretas todos como se você tivesse sido eleito Zezé, por uma ação divina, ou financiado aí pela semente lá sua, ou pela quentinha do Alvimar, pô! Então numa hora dessas é hora de ter solidariedade, tem que separar o joio do trigo.

ZP: foi uma maneira de rebater aquelas coisas que falam de mim do helicóptero até hoje.

AN: quem conhece o Aécio, quem conhece o Anastasia, sabe da correção deles.

(…)

ZP: Porque na verdade eu sou muito agredido por causa daquele negócio do helicóptero até hoje sabe, Aécio?

AN: eu sei, eu sei

ZP: eu não faço nada de errado, eu só trafico drogas

AN: [risos]… agora é o seguinte, meus amigos que são teus amigos…"




Tópicos relacionados

PSDB   /    Aécio Neves   /    Drogas   /    Política

Comentários

Comentar