Gênero e sexualidade

MACHISMO

"Não estava me dando atenção" disse homem após atirar na namorada em Sabará (MG)

Na ultima segunda-feira (12) um homem de 26 anos foi preso em Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, tentando fugir após atirar três vezes na namorada, de 15 anos. O homem alegou que cometeu o crime porque a jovem não estava lhe dando atenção.

terça-feira 13 de março| Edição do dia

Policiais que estavam fazendo patrulha pelo bairro Rosário, receberam a informação que um homem colocou uma arma na cabeça de uma jovem e a levou para dentro de casa. Ao chegar no local, foram ouvidos tiros e o homem foi pego tentando fugir pela janela lateral da casa, ao perceber que estava cercado, o homem jogou a arma no chão e se entregou.

Na casa, a vítima foi encontrada no chão e encaminhada para Unidade de Pronto Atendimento de Sabará, e devido o estado grave da vítima, foi encaminhada para o Hospital João XXIII. O homem tentou suícidio, porém, a arma teria mascado, ele foi encaminhado para a UPA e posteriormente seria levado para a Delegacia de Polícia de Sabará.

Segundo os familiares da vítima, os dois mantiam relações a dois anos, e se desentenderam após uma festa. A alegação do homem para o crime é que a namorada não estava lhe dando atenção.

Segundo dados da Secretária de Segurança Pública de Minas Gerais, o Estado está acima da média nacional em crimes relacionados ao feminicídio. Minas Gerais precisa urgentemente de um Plano de Emergência Contra a Violências às Mulheres para que as mulheres mineiras deixem de viver uma vida miserável, onde são diariamente submetidas a casos de agressões físicas e morais.




Tópicos relacionados

Minas Gerais   /    Feminicídio   /    Machismo   /    Gênero e sexualidade

Comentários

Comentar