Política

Ministro do STJ admite recurso especial de Lula contra patético Power Point de Dallagnol

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Luís Felipe Salomão, admitiu o recurso especial em que Lula recorreu da decisão que não considerou que o procurador Deltan Dallagnol abusou no uso do Power Point para incriminar o ex-presidente.

quinta-feira 3 de outubro| Edição do dia

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Luís Felipe Salomão, admitiu o recurso especial em que Lula recorreu da decisão que não considerou que o procurador Deltan Dallagnol abusou no uso do Power Point para incriminar o ex-presidente. Salomão havia determinado a conversão do agravo em recurso especial. Porém, avisou que o cabimento ou não dos recurso e detalhes ainda serão analisados.

Lula havia perdido em primeira instância a ação que moveu contra o procurador Deltan Dallagnol, por danos morais decorrentes da apresentação de um gráfico, Power Point, no qual foi apresentado um esquema criminoso que envolveu a Petrobras e colocava Lula como comandante máximo de um esquema criminoso.

Já em 2018, a 8ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo negou, por unanimidade o provimento ao recurso de apelação interposto por Lula contra Dallagnol por danos morais.




Tópicos relacionados

Prisão de Lula   /    Deltan Dallagnol   /    Política

Comentários

Comentar