Política

ABAIXO TEMER GOLPISTA

Milhares nas ruas de Campinas contra o Temer golpista

Milhares de jovens e trabalhadores saíram as ruas de Campinas nessa quinta, 1 de setembro, para mostrar como se luta contra o governo golpista e seus ataques.

Cássia Silva

Coordenadora do CACH - Unicamp

sexta-feira 2 de setembro| Edição do dia

A manifestação foi uma mostra de um primeiro grito de declaração de guerra contra os ajustes e ataques de Temer. Este espírito deve contaminar cada nova luta que ascender no país, dando conteúdo político às nossas reivindicações contra Temer (PMDB), o atual presidente do país, que disse em seu discurso de posse que pretende incentivar a entrada de empresas multinacionais e o agronegócio. O golpista disse também que, para que esses incentivos ocorram, a crise vai ser descarregada nas costas dos trabalhadores e da juventude, em forma de ataques à aposentadoria e reformas trabalhistas.

Para derrotar os golpistas precisamos também superar os anos de alianças do PT que abriu espaço para essa direita golpista, construir uma alternativa política de fato independente dos patrões e governos. Chega de conciliação de classe! Bradamos ontem e vamos continuar lutando pela manutenção dos nossos direitos e conquistas dos que ainda não temos, como direito ao nome social, criminalização da homofobia, fim da polícia racista e assassina.

A resposta à crise política, à corrupção e ao estado antidemocrático que se impõe sobre nossas vidas deve ser a nossa organização e luta para impor uma Assembleia Constituinte Livre e Soberana onde possamos nós, jovens e trabalhadores, determinar nosso futuro e garantir todas as nossas demandas.

Nesse cenário é essencial participar de todos os espaços políticos, por isso construímos uma #VozAnticapitalista nessas eleições municipais, para combater a direita reacionária, que se ergue no país fortalecendo nossas lutas, e não deixar que o PT e a conciliação de classes tomem de novo as rédeas e ajudem a descarregar a crise nas nossas costas.

Fotos: Equipe ED e Dalton Chun




Tópicos relacionados

Golpe institucional   /    Governo Temer   /    Assembleia Constituinte   /    Política

Comentários

Comentar