Sociedade

PORTO ALEGRE

Melo quer acabar com meia passagem para universitários

Em meio as negociatas com a insaciável ATP, Melo aventou tirar o passe para estudantes, deixando só para os de baixa renda.

quinta-feira 18 de fevereiro| Edição do dia

Muitos estudantes universitários são trabalhadores e precisam dar conta de aluguel, comida, gás, internet, livros sendo que o aumento na passagem significaria para muitos o abandono dos estudos. Muitos moram na região metropolitana o que aumenta ainda mais o custo com transporte para poder estudar.

A Associação dos Transportes de Passageiros (ATP) é uma associação patronal que quer garantir os lucros dos tubarões do transporte urbano de Porto Alegre com dinheiro público. A negociata gira em torno do cálculo do custo de operação do transporte urbano, que segundo a ATP será de 42 milhões em março. A ATP quer que a prefeitura aporte com recursos públicos caso esse custo não seja pago pelos próprios usuários.

Porto Alegre tem uma das passagens mais caras das capitais do país, ainda assim, segundo os cálculos dos empresários da ATP a passagem deveria estar em 6 reais conforme os cálculos que fizeram sobre 2020. Hoje a “tarifa técnica”, segundo Luiz Fernando Záchia (secretário de Mobilidade Urbana), deveria ser R$5,35. Záchia afirma ainda que por isso é preciso construir alternativas. A alternativa de Melo é descarregar sobre os estudantes universitários, para proteger os lucros dos empresários.

O que os empresários do transporte não fazem de jeito nenhum é tornar público os livros de contabilidade das empresas. Ademais se está tão preocupante e ruim assim o negócio que larguem o osso e deixem nas mãos dos usuários e trabalhadores o controle e a administração das empresas, que são quem sabem como ninguém como o transporte público deve funcionar. Sem os lucros desses empresários a passagem poderia ser muito mais barata e acessível para todos. Pela estatização de todo o sistema de transporte sob administração dos trabalhadores e controle dos usuários!




Comentários

Comentar