Mundo Operário

CRISE NA MECANO FABRIL

Mecano Fabril: à beira da falência?

Fábio Nunes

Vale do Paraíba

quinta-feira 14 de abril de 2016| Edição do dia

A Mecano Fabril, importante autopeças de Osasco, que lucrou milhões nos últimos anos, assume hoje um discurso de crise financeira profunda e alega não ter dinheiro para pagar os salários e comprar matéria-prima, ou seja, com este discurso fraudulento, deixa claro que pode abaixar as portas a qualquer momento e jogar os trabalhadores no olho da rua. O cenário é bastante delicado pois o próprio sindicato diz que a empresa apresenta sinais reais de falência.

Mas e se o patrão demitir todo mundo, pagar os direitos e depois fechar fábrica? É uma saída para os operários e as operárias da Mecano, em greve desde segunda-feira (11/04) exigindo o pagamento dos salários atrasados? O Esquerda Diário e a juventude Faísca apoiamos ativamente esta luta e para nós, mesmo que a empresa pague os direitos dos trabalhadores, a demissão e o fechamento de fábrica são um problema e nunca uma solução para os trabalhadores.

Sabemos que esta empresa já demitiu algumas dezenas de trabalhadores e não pagou o que devia. Quem garante que a Mecano Fabril não vai dar o calote outra vez? E se for para a Justiça? Quem confia nesta Justiça que só serve aos empresários? Vamos confiar anos e anos de trabalho nas mãos de juízes corruptos e cheios de privilégios?

A única maneira dos operários e operárias garantirem os salários e os empregos é a luta. É preciso resgatar o exemplo dos trabalhadores da fábrica Cobrasma (Osasco) que em 1968, em plena Ditadura Militar, deflagraram uma greve hoje histórica e ocuparam a fábrica por melhores condições de trabalho e de vida. Este é o único caminho para combatermos a ganância dos patrões e seus governos corruptos.

Pelo pagamento imediato dos salários atrasados!

Nenhuma demissão!

Pela abertura imediata dos livros de contabilidade das fábricas que ameaçarem fechar!

Contra o fechamento de fábricas!

Que os capitalistas paguem pela crise!




Tópicos relacionados

Greve na Mecano Fabril   /    São Paulo (capital)   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar