Sociedade

#LibertemRafaelBraga

Manifestações no Rio e SP denunciam racismo da justiça e exigem: #LibertemRafaelBraga

Além de uma jornada de manifestações nas próximas 24 horas que precedem o julgamento de Rafael Braga, várias organizações estão chamando twittaço nas redes com a tag #LibertemRafaelBraga para fazer ainda mais conhecido este caso que virou retrato do racismo institucional no país.

segunda-feira 31 de julho| Edição do dia

No Rio e em São Paulo ocorreram manifestações simultâneas compostas por diversas organizações sociais que, além de denunciarem a seletividade e o racismo intrínseco do sistema penal brasileiro, exigiam a liberdade imediata para Rafael Braga, negro, portador de pinho-sol e condenado a 11 anos pela “justiça” racista.

Cerca de 500 pessoas se reuniram no teatro municipal de São Paulo seguindo até a antiga Cracolândia, na praça Júlio Prestes, onde não por acaso, estava ocorrendo brutal ação da polícia que desalojava e agredia os moradores e sem tetos da região, como há tempos vem ocorrendo a mando do prefeito Dória, o higienista, e Alckmin, o privatista.
O ato chegou a ficar bem próximo da linha policial gritando palavras de ordens contra a repressão e o racismo institucional da PM de SP.

Fotos Ato em SP - (de Hugo Zambukaki)

No Rio, cerca de 200 pessoas fizeram uma vigília em frente ao Tribunal de Justiça onde nesta terça-feira, 01/08, haverá julgamento do Habeas Corpus de Rafael Braga na 1º Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio e os movimentos sociais envolvidos na campanha de denúncia da prisão chamam novos atos e manifestações para ajudar a pressionar pela liberdade de Rafael.

O Esquerda Diário vem participando ativamente da campanha pela liberdade de Rafael Braga e reforça o chamado feito por diversas organizações e ativistas sociais compartilhando a hashtag #LibertemRafaelBraga durante as 24hs que precedem o julgamento e, para os que puderem, compor as manifestações no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Mais fotos - Vigília no Rio





Tópicos relacionados

PM   /    Rafael Correa   /    Repressão   /    Rio de Janeiro   /    Sociedade   /    São Paulo   /    Racismo   /    Negr@s

Comentários

Comentar