REPRESSÃO NO #30J

Manifestação contra as reformas de Temer é reprimida pela polícia no Rio

sexta-feira 30 de junho| Edição do dia

A polícia de Pezão reprime neste momento o ato contra as reformas da previdência e trabalhista de Temer, convocada como parte da mobilização nacional deste 30 de junho. Já no início da manifestação, o ato foi impedido de marchar sentido Cinelândia. E quase no final do ato, quando os manifestantes chegavam na altura da Central do Brasil, a polícia atacou com bombas de gás e balas de borracha contra os manifestantes.

Veja aqui como a polícia de Pezão trata os trabalhadores e estudantes em greve contra os ataques de Temer:

Abaixo a repressão!

Leia aqui: Começa o ato contras as reformas e o governo de Temer no Rio




Tópicos relacionados

greve geral   /    #30J   /    Greve geral   /    Greve

Comentários

Comentar