PROFESSORES RS

Mais uma vez a direção central do CPERS (PT/PCdoB) mobiliza para desmontar a greve

DENÚNCIA: professores denunciam membros da direção central do CPERS indo de escola em escola mapeando os professores e chamando-os para votar contra a continuidade da greve dos professores.

quinta-feira 23 de novembro| Edição do dia

Já não bastasse o escandaloso print divulgado antes da última assembleia, onde mostrava a conversa da presidente do CPERS mobilizando os aposentados para participarem da assembleia para votarem pelo fim da greve, hoje recebemos a denúncia de professores e funcionários que fazem parte do 22º núcleo, que membros da direção central estão passando em escolas de abrangência do núcleo na tentativa de mobilizar os professores e funcionários que não estão em greve para irem na assembleia votar pelo fim da greve.

Interessante é perceber que essa direção sindical não coloca essa força quando é para mobilizar para a luta e sequer passa em escola para isso, mas aparece nas escolas somente em época de eleição ou como agora para acabar com a greve.

Diferentemente do que aparece nas mensagens de uma das diretoras do CPERS nos prints de mensagem abaixo, professores relataram que a diretora da direção central estaria passando nas escolas dizendo que era da direção do 22º núcleo, sendo que o 22º núcleo aprovou em assembleia nessa quarta-feira pela continuidade da greve.

Esse desmonte da greve por parte da direção central ocorre bem no momento em que o presidente da ALERGS, também do PT, repudiou o protesto dos professores que visava barrar os ataques de Sartori e abriu a presidência da casa em outro lugar, longe da Assembleia trancada pelos professores, apenas para receber o protocolo do governo do ajuste fiscal.

O próprio 22 núcleo aprovou em sua assembleia regional a continuidade da greve, como também uma nota de repúdio ao presidente da ALERGS, Edegar Pretto (PT), pela sua postura contra os educadores que estavam trancando a Alergs e uma nota de esclarecimento sobre o fato de um membro da direção central do Cpers estar passando nas escolas do 22 defendendo o fim da greve e se dizendo membro da direção do núcleo.

Veja as mensagens abaixo:




Tópicos relacionados

cpers   /    Sartori   /    Greve Professores RS   /    Porto Alegre

Comentários

Comentar