Educação

ÚLTIMO MOMENTO

Mais de 200 secundaristas nas ruas de São Paulo

1º ato contra o fechamento de salas e a máfia das merendas.

terça-feira 22 de março de 2016| Edição do dia

Estudantes secundaristas da E.E Fernão Dias convocaram nesta manhã o 1º ato contra o fechamento de salas e a máfia das merendas, que envolve o governador Geraldo Alckmin e vários políticos do alto escalão do Estado de São Paulo.

Os mais de 200 estudantes de diversas escolas da capital se concentraram na estação de Metrô Butantã a partir das 7h e depois de cerca de 30min decidiram sair em ato pela Av. Vital Brasil, seguindo pela Rebouças até a Faria Lima, lá fecharam o cruzamento e agora seguem para a Secretaria Regional de Ensino.

No meio do percurso a manifestação passou pelas escolas EE. Fernão Dias e Godofredo Furtado para deixar um recado contra o autoritarismo das direções que são cumpridoras das ordens do governo para avançar na reorganização disfarçada cantando: "O diretor cara de pau, é capacho do governo estadual!".

Durante o ato o apoio da população foi marcante, muitos carros e motos buzinaram dando força aos estudantes que prometem que este ato é apenas o recomeço da luta contra os ataques a educação pública.




Tópicos relacionados

#Alckmin,VocêNãoFecharáNossasEscolas!   /    Educação   /    Juventude

Comentários

Comentar