Educação

30M

Mais de 20 cursos amanhecem paralisados na UNICAMP neste 30M

Os estudantes da Unicamp, em mais de 20 cursos, votaram em assembleias por paralisação neste 30 de Maio, dia nacional em defesa da educação, além da pós-graduação, trabalhadores e professores.

quinta-feira 30 de maio| Edição do dia

Dentre eles estão:

Ciências Sociais
História
Pedagogia
Artes Cênicas
Artes Visuais
Dança
Midialogia
Música
Biologia
Economia
Educação Física
Engenharia de Alimentos
Engenharia Química
Enfermagem
Farmácia
Estudos Literários
Letras
Linguística
Filosofia
Física
Geografia
Geologia
Química
Matemática
Estatística
Faculdade de Ciências Aplicadas de Limeira
Faculdade de Tecnologia de Limeira

“A disposição da juventude se demonstra com mais de 20 cursos paralisados na Unicamp. No dia 15 de maio, fizemos parte do 1 milhão de estudantes universitários, secundaristas e professores que saíram às ruas paralisando seus locais de estudo e trabalho contra os cortes de Bolsonaro. Inclusive, após o dia 15, a desaprovação do governo Bolsonaro subiu para 36,2% com rechaço enorme aos cortes e à Reforma da Previdência. Os capitalistas querem nos impor desemprego, precarização e repressão policial e Bolsonaro quer pactuar com o STF que trabalhemos até morrer.

Por isso, não vamos aceitar a separação entre a luta contra os cortes e a luta contra a Reforma da Previdência imposta pela UNE, CUT e CTB, dirigidas pelo PT e pelo PCdoB, que se aliam com Rodrigo Maia e colocam seus governadores para negociar a Reforma da Previdência com Bolsonaro. Rui Costa, governador da Bahia, defende o pagamento de mensalidade nas universidades públicas.

A partir da juventude Faísca dizemos que, somente unificando com os trabalhadores, tomando nossas lutas nas mãos em cada local de trabalho e estudo, é que vamos massificar, e podemos derrotar Bolsonaro e Dória, com sua CPI das Universidades. É essa unidade, com assembleias e reuniões de base, que devemos exigir da UNE e das centrais sindicais rumo à greve geral do dia 14!”
Flávia Telles, estudante de Ciências Sociais




Tópicos relacionados

30M 2019   /    Educação   /    Campinas   /    Juventude

Comentários

Comentar