Internacional

CHILE

Mãe de jovem atropelado pela polícia: "Essa barbárie com aval dos monstros dos ministérios deve acabar"

O prefeito da região metropolitana, Felipe Guevara, deu a ordem de tolerância zero contra as manifestações não autorizadas. O resultado foi uma brutal repressão que culminou em centenas de feridos. O caso mais grave foi a tentativa de assassinato de um jovem manifestante por parte da polícia.

sábado 21 de dezembro de 2019| Edição do dia

Rapidamente viralizou a imagem do atropelamento de Oscar, jovem manifestante que se encontrada na Plaza de la Dignidad, no Chile. O grave acontecimento foi protagonizado por dois carros que lançam gases. O vídeo mostra a clara intenção daqueles que dirigiam os carros, com o sinal verde dado para a repressão, dado pelo prefeito Felipe Guevara.

Com um discurso de "tolerância zero" às manifestações não autorizadas, FElipe Guevara colocou mais de mmil policiais com o objetivo de "fechar" a zona, política que tive como resultado uma brutal repressão e centenas de feridos.

A mãe do jovem atropelado se pronunciou nas redes sociais, responsabilizando a polícia e o Estado do Chile pelos acontecimentos: "Meu filho Oscar foi brutalmente atropelado, intencionalmente atropelado e esmagado por dois policiais. Milagrosamente ele está vivo" Essa barbárie com o aval desses monstros do ministério do interior deve acabar!", manifestou através do Twitter.




Tópicos relacionados

Sebastián Piñera   /    Chile   /    Internacional

Comentários

Comentar