Sociedade

MTST faz manifestação contra repressão em ocupação na cidade de Guarulhos

Participantes do MTST se reúnem na Praça Getúlio Vargas em Guarulhos em protesto as repressões em sua última ocupação realizada na madrugada de sexta para sábado no bairro Uirapuru.

quarta-feira 12 de abril de 2017| Edição do dia

Fotos: Natalia Macedo

Na madrugada do dia 08 de abril mais de 600 famílias sem teto ocuparam o terreno que fica na Estrada velha de São Miguel, Guarulhos, na altura do número 900, esquina com a rua Mocambo, próximo ao UBS Uirapuru, para lutar por uma moradia digna. Porém, o que houve foi uma brutal repressão da (GCM) Guarda Civil Metropolitana, que agiu de forma arbitraria e truculenta na reintegração de posse do local. Avançaram com seus veículos contra os ocupantes, utilizando se de gás lacrimogêneo, balas de borracha e cachorros rottweilers, que avançavam nos ocupantes deixando entre os feridos, mulheres e crianças.

Karina estava no ato hoje pela manhã e cedeu imagens da repressão policial em seu corpo. Ela estava na ocupação no momento da reintegração e nos contou como se deu a ação policial. Disse em entrevista que os ocupantes tinham um acordo com o prefeito, da qual eles teriam dez dias para se manter na ocupação, o direito de entrar e sair, até ser encontrada uma solução que atendesse a todos, porém o acordo não foi cumprido.

O movimento convocou um ato “Contra os Despejos em defesa da Moradia!” para esta manhã de segunda feira, Com concentração na praça Getúlio Vargas, que saiu em caminhada até o Passo Municipal onde fica o gabinete do prefeito. Na concentração estavam organizadas cerca de 400 pessoas e contava com a presença do Coordenador do MTST Guilherme Boulos e outras figuras importantes do movimento.

Segundo informações, na chegada dos manifestantes ao Passo Municipal, representante do Prefeito do município Guti (PSB) aceitaram receber os representantes do movimento para debater o assunto.




Tópicos relacionados

MTST   /    Repressão   /    Sociedade   /    violência policial

Comentários

Comentar