Lucro líquido do Banco Bradesco cresceu 9,7% no 2º semestre

O banco obteve lucro líquido recorrente de R$ 5,2 bilhões no segundo semestre de 2018. Trata-se de um crescimento de 9,7% em relação ao mesmo período do ano anterior.

quinta-feira 26 de julho| Edição do dia

A agência Economática revelou que o resultado obtido pelo Bradesco é o melhor resultado nominal, sem considerar a inflação, já registrado pelo banco. O melhor resultado já registrado remetia ao 2º trimestre de 2015 (R$ 4,473 bilhões).


Fonte: Banco Bradesco. Teleconferência 2º Trimestre de 2018. Disponível aqui.

No acumulado do semestre, o lucro líquido contábil, valor utilizado como referência para a remuneração dos acionistas, foi de R$ 8,995 bilhões. Um crescimento de 12,69% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Esse crescimento esteve atrelado ao aumento, principalmente, no resultado de seguros e na carteira de crédito. Cabe destacar que o índice de inadimplência apresentou melhora pelo quinto trimestre consecutivo. A inadimplência acima de 90 dias diminuiu para 3,9%.


Fonte: Banco Bradesco. Relatório - 2º Trimestre de 2018.Disponível aqui.

A rentabilidade sobre o patrimônio líquido foi de 18,4%. Queda de 0,2% em relação ao trimestre anterior.




Tópicos relacionados

Bancos

Comentários

Comentar