Sociedade

REPRESSÃO DF

Longa e intensa repressão contra dezenas de milhares na Praça dos Três Poderes em Brasília

Uma marcha de protesto de dezenas de milhares foi reprimida de forma continuada e brutal durante mais de três horas pela truculenta polícia do governador do PSB, Rollemberg em sintonia com o excreção-chefe de polícia de São Paulo e atual presidente/golpista Temer.

terça-feira 29 de novembro| Edição do dia

Momento em que a Polícia Militar passou a atacar o ato pacífico em frente ao Congresso Nacional / Mídia Ninja

Até às 21h30 seguiu a repressão contra remanescentes do ato. Estudantes, juventude de periferia, populares levantaram em alta voz seu protesto contra as medidas do governo golpista cortando verbas sociais por vinte anos [PEC 241/55], neste momento em que a medida está em votação no Senado Federal.

O novo nessa repressão foi sua gratuidade: desde a primeira bomba de gás lacrimogêneo e tiros até a última foi sempre na base do atirar primeiro e conversar nunca. Havia clara intenção da polícia de provocar, as ordens eram reprimir sem parar, sempre iniciando o primeiro golpe. Alguém jogou água na polícia era a senha para dezenas de bombas. Enquanto iam expulsando toda a manifestação da praça pública e gerando muito mal-estar e bronca da juventude.

Acabamos de ouvir o “relato” da GloboNews e temos tudo ao contrário: na Globo a manifestação de massa foi reduzida a “grupos que atacavam a polícia e tudo que passava na frente e a polícia [coitada] somente revidava com bombas de efeito moral”, que de moral não têm nada, são muito perigosas e fisicamente ofensivas.

Confira o vídeo abaixo, já por volta das 19h, quando realmente a principal praça de Brasília, com bombas e barreiras de pneus queimando se tornou a cara desse governo cuja função, além de reprimir as forças populares, vem a ser a de descarregar de maneira mais acelerada do que Dilma a crise nas costas da classe trabalhadora.




Tópicos relacionados

PEC 241/55   /    Governo Temer   /    Repressão   /    Sociedade

Comentários

Comentar