Mundo Operário

REFORMA DA PREVIDÊNCIA PORTO ALEGRE

Líder da bancada do PDT, de Jairo Jorge, ajudou Marchezan a aprovar reforma da previdência

segunda-feira 13 de agosto| Edição do dia

No último dia 6 de agosto o prefeito Marchezan aprovou uma reforma da previdência que ataca os direitos dos municipários de Porto Alegre. O resultado foi apertado, apenas quatro votos de diferença, contado com a ajuda do líder da bancada do PDT, partido de Jairo Jorge, que concorre ao governo do estado.

Parte do pacote de ataques do Marchezan ao serviço público de Porto Alegre, o projeto chamado de PoaPrev foi aprovado por 19 votos favoráveis a 16 contrários. Um dos votos que garantiu essa aprovação apertada foi justamente do líder da bancada do PDT.

O vereador Marcio Bins Ely, líder da bancada do PDT, votou a favor de Marchezan, contradizendo o discurso oposicionista do seu partido e inclusive os votos dos seus colegas de legenda. Numa votação tão apertada, o voto de um líder de bancada poderia ter feito a diferença entre a vitória e a derrota do projeto.

O PDT esteve na base do governo Sartori e avalizou durante um longo período o parcelamento de salários e todos os ataques do governo Sartori aos educadores gaúchos. O próprio Jairo Jorge, quando foi prefeito de Canoas deixou os professores da rede municipal anos sem nenhum reajuste de salário.

Por mais que agora a candidatura de Jairo Jorge se coloque como crítica ao governo Sartori e prometa defender os educadores, esse discurso não passa de demagogia. Um governo do PDT de Jairo Jorge vai aplicar os mesmos ataques ao serviço público que o PDT avaliza na câmara municipal, que avalizou como parte da base de apoio do governo Sartori e que o próprio Jairo Jorge já aplicou quando governou Canoas.




Tópicos relacionados

PDT   /    Sartori   /    Reforma da Previdência   /    Golpe institucional   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar