Educação

O MONOPÓLIO DA KROTON-ANHANGUERA

Kroton, o maior monopólio na educação do mundo, compra grupo SOMOS que detêm pH e Saraiva

O maior monopólio de educação do mundo entra agora com tudo no ensino básico e editorial, negociação custará R$ 4,566 bilhões.

segunda-feira 23 de abril| Edição do dia

Imagem: InfoMoney

A Kroton-Anhanguera, maior monopólio de educação do mundo, anunciou hoje mais cedo que crescerá seu império. A compra do controle da Somos Educação, da Tarpon Gestora de Recursos, será por nada menos que R$ 4,566 bilhões. R$ 4,166 bilhões serão pagos à vista na data de fechamento do negócio e o restante será mantido em conta vinculada para garantir pagamento de determinadas obrigações de indenização.

Num país em que 78% dos Institutos de Ensino Superior (IES) são privados, esse grande tubarão caminha para ser um fator de ainda mais peso não só nessa realidade, mas em direção ao ensino médio e básico. A venda ainda passará pelo crivo do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), que em 2017 vetou do que seria uma estrondosa fusão da Kroton com a Estácio, na época as maiores do ramo no Brasil, que concentram o maior número de alunos matriculados.

A Somos Educação, que é a antiga Abril Educacional anunciou ainda que a venda foi realizada por meio da da holding Saber, da Kroton. A Tarpon, que gere alguns fundos de investimento da Somos, vendedora das ações, disse que a operação envolve mais de 192,2 milhões de ações, ao preço individual de R$ 23,75.


Imagem: Contee

Com essa compra a Kroton-Anhanguera finca seus pés com força no ensino básico. A Somos Educação gere grandes escolas particulares, editoras, cursos de linguas e de suporte para alunos do ensino superior, veja a lista detalhada abaixo. Esse grande monopólio educacional que endivida a juventude trabalhadora atualmente conta com mais de 1 milhão de estudantes no Ensino Superior e contou com um aumento vertiginoso durante o governo Dilma quando seus lucros entre 2010 e 2014 aumentaram em 20.000%

Leia Mais: Faísca lança campanha: “Basta de lucrar com a educação, Kroton-Anhanguera nas mãos dos estudantes”

Esse verdadeiro monstro forjado nos governos petistas tem como seus acionistas grandes grupos financeiros como J.P Morgan Chase, Capital Investors- dona de porções do Netflix e Amazon - e a bilionária família Lafraia, uma da mais ricas do Brasil. (Fonte).

Listamos aqui as Escolas Próprias, Cursos Pré-Vestibulares e Editoras do grupo SOMOS EDUCAÇÃO:

Escolas:

- Colégio e Curso pH
- Colégio Motivo
- Anglo Vestibulares
- Centro Educacional Sigma
- CIE
- Colégio Integrado
- Colégio Maxi
- Colégio Motivo
- ECSA – Escola Chave do Saber

Ensino Técnico, e Cursos para suporte de ensino superior:

SOMOS Ensino Técnico
Saraiva APROVA
Saraiva JUR
Saraiva UNI

As Editoras do grupo:

Editora Ática
Editora Saraiva / Atual
Editora Scipione

É preciso lutar contra a financeirização e mercantilização da educação, que hoje está a serviço desses grandes grupos, ultra-concentrados e seus enormes lucros. Esse enorme monstro só se consolidou, fruto de uma política de estado, o FIES, e de ligações espúrias com a maquina pública. Ora, se o estado pode fazer emergir um enorme monopólio desse tipo, é porque na sociedade de classes ele está a esse serviço. Por isso nos colocamos em favor da estatização desse enorme monopólio sob controle dos estudantes, funcionários e professores, na mais ampla democracia de base nos locais de estudo, pela ampliação de vagas públicas, de qualidade e de um conhecimento que seja produzido para os trabalhadores e para o povo pobre. Se esse estado que não estivesse a serviço da "bolsa banqueiro" que se chama a dívida pública teria dinheiro para custear toda a educação superior gratuita.




Tópicos relacionados

Crise na Educação   /    Vestibular   /    Monopólios Capitalistas   /    Universidades Privadas   /    Educação   /    Dívida pública   /    Educação

Comentários

Comentar