VIOLÊNCIA POLICIAL

Jovem negro é assassinado pela polícia no Rio de Janeiro

quinta-feira 4 de janeiro| Edição do dia

Mais um jovem negro vítima da atuação racista e assassina da polícia no Rio de Janeiro, Luis Guilherme dos Santos, 18 anos, ao deixar o trabalho com dois amigos na Rua Dom Walmor no centro da cidade em um caminhão, os três meninos foram abordados pela polícia, ao deixar sua mochila cair no chão, um dos polícias atiraram nas costas do jovem.

Segundo o testemunho dos amigos da vítima, Luis Guilherme, estava com a mochila no colo e, quando saiu do caminhão, ficou com ela na mão, mas um determinado momento a mochila caiu no chão, quando abaixou pra pegar, tomou um tiro nas costas que atravessou o peito. Segundo informações, a família permanece em choque com o ocorrido e a injustiça.

O policial assassino foi levado a delegacia e liberado em seguida, apenas foi suspenso das ruas. Segundo informações a polícia militar mais a policia civil, vai buscar mais informações. Mas sabemos que nesses casos onde os próprios policias são culpados e julgados por eles mesmo, eles são absolvidos do crime.

Luis Guilherme depois de finalizar seu trabalho com produção de eventos, entrou para a estatísticas de mais um jovem negro vítima da atuação racista e assassina da policia militar, que é tudo legitimado pelo Estado.

Basta de genocídio da juventude negra e pobre.




Tópicos relacionados

PM   /    genocídio juventude negra   /    Racismo   /    Violência Policial

Comentários

Comentar